segunda-feira, 16 de abril de 2012

O meu amor.

Se é isso que pensa de mim, se realmente acha que não tenho sentimentos, porque enxugava todas as minhas lágrimas quando nos conhecemos? O fato de eu ter chorado no teu ombro te fez sentir dona dos meus sentimentos? Ou te fez pensar que eu era uma pessoa assim, tão vulnerável?
Entenda, tenho um coração cheio de amor, mas ele não se abre pra qualquer pessoa. Não pense que com meia duzia de presentes ou palavras você vai ganhar o seu espaço e muito menos pense que é você quem vai decidir a hora de entrar.
Não me controle e principalmente não tente controlar meu coração. Me sinto extremamente ameaçada quando alguém tenta controlar minhas atitudes e meus sentimentos, porque vivo o tempo inteiro tentando me deixar livre das minhas próprias racionalidades pra tentar ser feliz.
E é porisso que tenho os amores mais decadentes, mais improváveis, mais passionais mas acima de tudo, o amores mais sinceros que alguém pode ter. E como um amigo me disse um dia "Não se sinta especial por gostar de mim, se sinta especial se eu gostar de você".

Um comentário:

  1. (...)Já que se há de escrever, que pelo menos não se esmaguem com palavras as entrelinhas.

    Clarice Lispector

    ResponderExcluir