terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Mentirosa.



Nem sempre falo a verdade. No meio de tanta sinceridade eu deixo existir um pouquinho de uma Cíntia mentirosa que inclusive também se considera escritora. Aumento, amenizo e invento histórias apenas pelo prazer de fazê-lo, sem nenhuma pretensão. Ultimamente esse hábito tem se espalhado pela minha vida, e as vezes me vejo inventando sentimentos apenas pelo prazer de inventar.Quando não se pode ter algo a gente costuma sonhar. Portanto é bom ter cuidado, a ilusão pode deixar cicatrizes profundas.

(6 março 2013)

Nenhum comentário:

Postar um comentário